Transição democrática é destaque na direção do sindicato dos servidores de Sobral

“A transição dos trabalhos mostra o amadurecimento da nossa organização, para o trabalho que exige que uma boa equipe para conduzir a nossa entidade sindical”. Gilvan Azevedo.

Por Ocleciano Marçal.

 

Nesse momento importante da gestão sindical dos servidores municipais, já deram início a fase de transição na administração da entidade. Para isso, os sindicalistas realizaram recomposição da atual diretoria, unificando secretarias e empossando suplentes da diretoria sem interferir no percurso natural do mandato, agregando novos valores para continuarem os trabalhos de representação classista para buscar novas conquistas.

 

As mudanças acontecem devido ao anúncio oficial da nomeação do sindicalista Célio Brito, para assumir uma coordenação de mobilização social no executivo municipal. Sendo necessário o seu licenciamento para poder focar-se em seu novo trabalho.

 

Para o novo presidente do Sindsems, Gilvan Azevedo, “O trabalho exige que haja uma boa equipe para conduzir o trabalho dentro das mais variadas situações da nossa entidade sindical. A transição dos trabalhos mostra o amadurecimento da nossa organização, uma vez que as informações das agendas de lutas, processos administrativos e jurídicos em andamentos, são importante para continuarmos firmes e fortes na nossa representação”. Disse o sindicalista.

 

Com a liberação de mais cinco diretores para atuarem no sindicato foi apresentada a nova diretoria executiva do Sindsems, Gilvan Azevedo (presidente), Ocleciano Marçal (finanças), Erivelton Teixeira (Secretaria), Jani Mesquita (Mobilização), Mário Sérgio (Jurídico), todos os diretores já dão expediente no sindicato prestando orientação e encaminhado os processos administrativos dos sindicalizados.

 

A finalização de todo o processo de transição ocorre no dia 25 de julho próximo, numa solenidade em comemoração aos 10 anos de fundação do sindicato, com inauguração de um moderno auditório climatizado que leva o nome da Prof.ª Maria Aldenir Lopes (in memoria), que era sindicalizada e faleceu recentemente.

Com informações da assessoria de comunicação do Sindsems.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *