Diretoria do Sindsems se reúne com chefe de gabinete e secretária de ouvidoria, gestão e transparência para tratar das demandas dos (as) servidores (as)

O presidente do Sindsems, Gilvan Azevedo, o vice presidente, Gilcélio Paiva, o secretário de finanças do sindicato, Oclécio Marçal, e os diretores Jane Mesquita e Luiz Carvalho Neto se reuniram nesta quarta (02) com o chefe de gabinete, Dr. David Duarte,a secretária de ouvidoria, gestão e transparência, Silvia Kataoka, a Assessora Jurídica Marúsia Dias e a coordenadora do RH, Nágila, para tratar da seguinte pauta: solicitar a troca do feriado do dia do servidor público, que será dia 28 de outubro para 01 de novembro; cumprimento do edital do concurso público para os (as) enfermeiros (as); produtividade dos servidores cedidos para o sindicato para o mandato classista; retirada do desconto da previdência social sobre 1/3 de férias dos servidores;retirar 1/3 de férias da base de cálculo salarial para não inserir no PIS/PASEP; lei de criação de cargos públicos para o cadastro único, de acordo com o TAC de 17/01/2017; gratificação de produtividade para entrevistadores e digitadores; programação anual de férias para os servidores do cadastro único; reformulação do plano de carreira e remuneração do magistério para 2020; ampliação definitiva e média salarial do nordeste para a Guarda Municipal.
Gilvan Azevedo solicitou ao chefe de gabinete a troca do feriado do dia do servidor público, do dia 28 de outubro para o dia 01 de novembro, Dr. David disse que a troca das datas já iria acontecer. Outro ponto que o presidente do sindicato falou foi sobre a homenagem do dia do servidor na Câmara Municipal de Sobral, e que esse ano o secretário homenageado será o Dr. Ricardo Teixeira (secretário de finanças).
A diretora Jane Mesquita mencionou aos presentes todas as demandas dos (as) enfermeiros ()as, já que alguns receberam diferentes valores salarial dos outros. Nágila (coordenada do RH) solicitou que a mesma levasse até o setor o contracheque dos servidores para ela verificar e ver onde está o erro.
Em relação ao Plano de Carreira e Remuneração do Magistério, Gilvan Azevedo comentou que o projeto feito pelo sindicato já foi apresentando ao secretário de educação, Herbert Lima, porém, em 2020 será ano eleitoral,e o Dr. David falou que talvez não seja possível aprovar o PCR. A ampliação definitiva foi questionada pelo secretário do sindicato, Oclécio Marçal, que perguntou da possibilidade de ser aprovada até próximo ano, o chefe de gabinete disse que não tem problema nenhum na aprovação.
Em relação a média salarial do nordeste para a Guarda Municipal, Dr.David sugeriu que fosse marcada uma reunião para a próxima semana para discutir sobre os pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *